De Mulungu (CE) para a Espanha!

De Mulungu (CE) para a Espanha!

Premiados no Desafio 2017, representantes do projeto Tenda Móvel participam do encontro global do Criativos da Escola.

Compartilhamento, aprendizado e expansão de suas transformações. Estes foram alguns dos resultados e das práticas da conferência global do Criativos da Escola, em 2017: a Be The Change (BTC). Realizada na Espanha, a BTC é organizada pelo movimento Design for Change, do qual o Criativos faz parte, e reuniu educadores, educadoras e estudantes de 33 países de todos os continentes.

Criativos_Espanha_v4Direto de Mulungu (CE), os estudantes Pedro de Lima e Erikson Oliveira e a professora Déborah Freire representaram o projeto Tenda Móvel, premiado no Desafio Criativos da Escola 2016. “Ser representante do país em uma conferência internacional nos possibilita uma maior divulgação e reconhecimento. Com isso, as pessoas acreditam mais no nosso projeto, entendem e simpatizam cada vez mais com os ideais do Tenda Móvel.Consequentemente, há uma maior valorização e resultado para as comunidades de Mulungu”, relatou Pedro.

Protagonizado por estudantes do 2º ano do ensino médio da Escola Professor Milton Façanha Abreu, o projeto transformou a forma de participação social no município e tem contribuído para a melhoria das condições de vida de moradores de seus bairros mais vulneráveis. (Clique aqui e veja mais informações sobre a iniciativa)

Por meio da premiação e da participação na conferência global, segundo Erikson, a ação dos jovens agregou apoio ainda maior na cidade de Mulungu: “o Tenda que antes era feito por uma equipe de cinco alunos e dois professores, foi crescendo tanto pelas vivências com as comunidade quanto pelas experiências proporcionadas pelo Criativos e, depois pela BTC”. “Cada vez mais pessoas estão participando e vendo que é possível conquistar políticas públicas que transformem suas realidades”, completa o aluno.

 

Equipe-do-Tenda-e-diretora-do-criativosA transformação que contagia
Ao participar das atividades da BTC e ser impactada pelo “amor, a solidariedade e o compromisso, principalmente, de crianças e jovens que apresentavam seus projetos”, a professora Déborah destaca a importância da experiência para sua atuação enquanto educadora. “Entender que essas crianças e jovens são maiores do que possamos imaginar foi, sem dúvidas, um divisor de águas para minha forma de perceber a educação, pois me fez repensar em minhas práticas e, desde então, busco sentir de fato a criança e o jovem na sua essência”, relata.

A partir das trocas realizadas na Espanha, Erikson aponta também a felicidade de se reconhecer enquanto agente de transformação ao estar em diálogo com estudantes de outros países, com realidades, culturas e línguas distintas da sua: “o que eu vi na conferência é que temos que nos ligar para mudar mesmo que aos poucos o meio em que vivemos e que não dá para ficar parado. Pensar coletivamente é bom demais!”

 

Design for Change no Brasil
Fundado pela indiana, Kiran Bir Sethi, o Design for Change já mobiliza educadores e estudantes de 60 países, impactando mais de 2,2 milhões de crianças e jovens ao redor do mundo. Em visita ao Brasil no fim de setembro deste ano, Kiran realizou a palestra magna do evento Educação 360, organizados pelos jornais O Globo e Extra, e participou de atividades promovidas com a Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro. (Clique aqui e veja mais informações sobre a participação de Kiran no Educação 360)

Carol-Pasquali-e-Kiran-no-RioNas atividades promovidas pelo Criativos da Escola, em parceria com a Secretaria, a educadora visitou a Escola Municipal Levy Miranda, premiada no Desafio Criativos da Escola 2016, e fez apresentação a profissionais da rede municipal na Escola de Formação do Professor Carioca – Paulo Freire. (Veja aqui detalhes sobre a atividade na escola de formação)

 

 

Fotos: Divulgação

Redação: Gabriel Maia Salgado

 

 

Deixe uma resposta